Arquivo da tag: Poesia

Carta

Esse texto eu achei sem querer, durante meus estudos solitários das tardes longas, longuíssimas – que são ainda mais longas porque, em São Paulo, o sol demora a se pôr (resquícios do verão).  Coloco aqui, para ver se me obrigo … Continuar lendo

Publicado em Poesia | Marcado com , | Deixe um comentário

Como um pôr-do-sol finge ser longo

Então pintei de azul os meus sapatos Por não poder de azul pintar as ruas Depois vesti meus gestos insensatos E colori as minhas mãos e as tuas Para extinguir de nós o azul ausente E aprisionar o azul nas … Continuar lendo

Publicado em Diário, Poesia | Marcado com , | Deixe um comentário

Vai Alta no Céu – Alberto Caeiro

Vai alta no céu a lua da Primavera Penso em ti e dentro de mim estou completo. Corre pelos vagos campos até mim uma brisa ligeira. Penso em ti, murmuro o teu nome; e não sou eu: sou feliz. Amanhã … Continuar lendo

Publicado em Diário, Poesia | Marcado com , , | 3 Comentários

Memórias viajantes: Bélgica (parte 2)

Segunda noite em Antuérpia. Noite de despedida para os hóspedes do casarão – eu, Paula e os americanos. Nossos anfitriões nos convidaram para um recital poético em um bar. Cruzamos a cidadezinha à pé, comentando sobre as belíssimas e estranhas … Continuar lendo

Publicado em Viagem | Marcado com , , | 1 Comentário

Memórias viajantes: Bélgica (parte 1)

O nome da cidade é Antuérpia. Até pouco antes de chegar lá, para mim significava apenas o penúltimo suspiro viajante antes de voltar a Lisboa. Em pouco menos de 15 dias eu havia passado por cinco cidades, vivido algumas das … Continuar lendo

Publicado em Poesia, Viagem | Marcado com , , | 3 Comentários